Serão as VanguardaSpark as futuras Buell elétricas?

Se lhe falarmos de Erik Buell, seguramente vai perguntar em que loucura relacionada com motos se meteu agora. Pois bem, prepara-se para se surpreender, até porque o ex-piloto e dono da marca Buell vai investir nas motos elétricas com a VanguardSpark.

Se há algo que carateriza Erik, é a sua constância e a sua vontade de avançar nos negócios. Agora percebeu que o futuro é elétrico. Por isso, tornou-se num dos sócios da VanguardSpark, um projeto fruto da colaboração entre o fundador da Vanguard
e o proprietário da Spark Racing Technology, marca fornecedora do Campeonato de Formula E.

O objetivo da empresa é lançar-se no mercado das motos de emissões zero, com propostas inovadoras que revolucionam a mobilidade urbana, mas fiéis a um design atrativo.
De momento, vão sendo adiantadas duas propostas que deixam muito claras as suas intenções e a visão que tem a mobilidade elétrica urbana num futuro a curto prazo.

O primeiro modelo aproveitado, é a VanguardSpark SpeedBike, uma bicicleta a pedais assistida que, para Erik Buell e os seus sócios, seria o substituto lógico dos atuais ciclomotores e pequenas scooters.
A segunda proposta é a VanguardSpark Commuter, um moto elétrica que promete ser muito ágil para se movimentar entre o trânsito urbano, e que terá 150 km de autonomia. A Commuter promete ser um moto cómoda, prática e ecológica.

Artigos relacionados

Mais de 100 pilotos no Estoril para o FIM CEV 2018

Para a prova FIM CEV 2018, que vai decorrer nos próximos dias 24 e 25 de março, já se encontram mais 100 inscritos.

FMP apresenta Portugal de Lés-a-Lés 2018 na BTL

Integrada num dos maiores eventos de divulgação turística a nível nacional, a apresentação do 20.º Portugal de Lés-a-Lés na BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, cativou muitas atenções para

Blusão REV’IT Vapor 2

Este é um blusão têxtil de corte desportivo/touring, com a cintura a ficar-se por um tamanho intermédio, entre os blusões cem por cento touring e os desportivos.