3 Horas TT Vila de Fronteira: Miguel Oliveira experimentou e quer repetir

A estreia de Miguel Oliveira em pistas de terra e com uma máquina de 4 rodas foi a grande novidade da competição de 3 horas destinada aos SSV e que se disputou em paralelo com as famosas 24 horas de Todo-o-Terreno. O piloto, que tantas alegrias tem dado aos portugueses por via do seu êxito em Moto2, pilotou um Can-Am Maverick X3 numa equipa onde teve como parceiros o ex-campeão de todo-o-Terreno Filipe Campos e o seu amigo e também piloto Pedro Ferreira.

Depois de uma curta adaptação tanto à máquina como à pista bastou, todavia, uma volta cronometrada para Miguel Oliveira averbar o 11.º tempo: “É duro. É preciso muita técnica para aguentar o carro, mas é giro. Tentei fixar o máximo da pista na volta que dei de jipe e depois foi reajustar e tentar fazer uma volta mais limpa possível”, salientou o piloto de Almada após a primeira abordagem competitiva.

No dia seguinte, o arranque da equipa não foi bafejado pela sorte, mas os seus pilotos tudo fizeram para subir na classificação. No final, Miguel Oliveira assumiu que quer repetir a experiência: “Foi uma corrida muito gira e sem dúvida que fiquei com curiosidade para repetir”.

Para Pedro Ferreira “este foi essencialmente um projeto de amigos que se quiseram divertir, experimentando uma máquina muito interessante e para a qual tivemos uma pista fantástica ao nosso dispor. Para mim foi fantástico estar aqui com o Miguel e o Filipe, mas também com muitos familiares e outros amigos que nos vieram apoiar”, salienta o piloto da PMF Racing.

Para o ex-campeão de todo-o-terreno Filipe Campos “o fim de semana foi excelente. Tive a oportunidade de pilotar uma máquina fantástica numa pista que estava perfeita e ainda para mais em equipa com um piloto notável como é o Miguel Oliveira e com o meu amigo Pedro Ferreira”, salientou o piloto portuense que não esconde também que vai repetir sempre que surja a oportunidade.

FRO_0914

Artigos relacionados

Ivo Lopes em bom plano na 2.ª prova do Campeonato Espanhol de Velocidade

Ivo Lopes participou, no passado fim de semana, na 2.ª prova do Campeonato Espanhol de Velocidade (RFME CEV), no Circuito de Montmeló, em Barcelona.

Yamaha YZF R1 ’02: Superlativa

A segunda geração da YZF-R1 introduziu numerosas alterações que a converteram numa moto praticamente nova em relação à sua antecessora.

Mankame EP-1 é moto elétrica com binário de V8

Chama-se Mankame EP-1 e rompe com todos os tópicos gerados ao redor das motos elétricas… os habituais não andam muito e não têm autonomia.