Dunlop introduz novos pneus de Moto2TM para o GP de Espanha

A Dunlop foi o único fornecedor de pneus de Moto2TM desde o arranque da categoria, em 2010. Ao longo da última década, a Dunlop evoluiu e melhorou constantemente, através de novas tecnologias, a sua gama de pneus para Moto2TM, tal como faz com a gama de pneus SportSmart de estrada para o segmento hypersport.

Este ano, as motos da classe intermédia viram aumentar tanto a sua potência como o seu binário, graças à troca para motores Triumph. A Dunlop decidiu fornecer os pneus de 2018 nas primeiras corridas do ano, para que as equipas pudessem centrar-se na adaptação ao novo motor.

Este fim de semana disputar-se-á a primeira corrida da temporada em solo europeu, com a realização do Grande Prémio Red Bull de Espanha, e a Dunlop aproveitará a ocasião para apresentar um novo pneu traseiro 200/75 R17, concebido especificamente para os competidores de nova geração, e que substitui o pneu 195/75 R17 anterior.

Além de lançar a nova medida de pneu, a Dunlop também optou por escolher um composto mais duro que em anos anteriores nas atribuições de pneus para Moto2TM neste circuito.

Esta decisão tem baseia-se no facto de Jerez possuir um asfalto mais agressivo desde que o circuito foi reasfaltado. Os novos pneus e a gama de compostos foram avaliados em três traçados distintos: Jerez, Valência e Aragão, assim como nas instalações de testes da Dunlop em Mireval, França. Em alguns circuitos, como Le Mans, a Dunlop espera poder utilizar compostos mais macios que em 2018.

Estes pneus de Moto2TM incorporam as mais recente tecnologias que foram incluídas na nova geração de pneus de estrada hypersport da Dunlop, como o inovador sistema de controlo de pressão NTEC, os compostos MultiTread e a tecnologia de controlo de calor, que combina um composto externo de longa duração com uma camada base que gera calor e melhora a performance, para uma máxima durabilidade, assim como para uma maior aderência logo desde os primeiros momentos de utilização.

Ninguém poderá afirmar que a classe de acesso do Mundial é parca em emoção, com mais ultrapassagens numa só corrida que muitos campeonatos numa temporada, mas a Dunlop decidiu acrescentar um pouco mais de emoção.

Desde que foi eleita fornecedor oficial de pneus, em 2012, a Dunlop sempre levou, pelo menos, dois compostos para piso seco diferentes para cada corrida, mas todas as equipas tendem a escolher o mesmo, geralmente o composto médio.

A partir de Jerez, a Dunlop oferecerá às equipas a opção de dois novos pneus traseiros, além de apresentar um novo pneu dianteiro de composto macio.

Artigos relacionados

Ducati vence o Pikes Peak International Hill Climb 2018

O lendário piloto Ducati Carlin Dunne conduziu a equipa Spider Grips Ducati Pikes Peak à vitória e reclamou a coroa de Rei da Montanha na edição deste ano do Pikes Peak International Hill Climb (PPIHC). Dunne cumpriu a “Corrida até às Nuvens” com a marca de 9m59,102s.

Valpaços será a capital mundial do Enduro de 3 a 5 de maio

A cidade de Valpaços vai transformar-se na capital mundial de Enduro de 3 a 5 de maio, datas em que acolhe a segunda prova do Campeonato do Mundo da especialidade.

Triumph apresenta as novas Scrambler 1200 XC e XE

A Triumph apresenta a novas Scrambler 1200 XC e Scrambler 1200 XE, dois modelos de referência, os primeiros de uma nova categoria de motos de todo-o-terreno de estilo custom clássico.