Miguel Oliveira de volta aos pontos em Barcelona

O piloto português Miguel Oliveira regressou ao pontos na prova de Barcelona ao terminar na décima segunda posição.

Miguel beneficiou de muitas desistências, mas a prova não foi fácil até porque a sua moto não tem recebido as atualizações das KTM de fábrica.

No total foram 11 desistências, entre elas uma carambola com os pilotos da frente que acabou por colocar travão às corridas de Lorenzo, Dovizioso, Viñales e Rossi. Assim, Marc Marquez teve uma vitória fácil, sendo segundado por Fábio Quartararo que terminou pela primeira vez na sua carreira no pódio.

Esta prova de Barcelona marcou ainda os 70 anos de Moto GP e falou-se imenso da possibilidade da modalidade regressar a Portugal em 2022, mais propriamente ao Autódromo do Algarve. É esperar para ver!

Artigos relacionados

Motul reforça aposta na gama MC Care para duas rodas

A Motul tem uma vasta gama de produtos para veículos de duas rodas e reforça a aposta no leque de produtos MC Care.

Yamaha presente no Caramulo Motor Festival 2019

Organizado pelo Museu do Caramulo com o Automóvel Club de Portugal, o Caramulo Motorfestival é o maior festival motorizado em Portugal, tendo por base um evento dedicado aos automóveis e motociclos clássicos e desportivos, que combina a parte de competição com um conjunto de ações lúdicas e turísticas.

Dunlop desenvolve pneu para a moto Krugger construída à mão

A Krugger Motorcycles revelou a sua mais recente moto construída à mão, em parceria com a Triumph Benelux e a Dunlop.